domingo, junho 05, 2011

Sabe aquele sentimento...

 ... patético que eu sentia por você? Que me fazia perder a noção de tempo e espaço, que me tirava o sono e me tirava o ar? Ele continua aqui, patético. Se esticando conforme as batidas no seu coração se aproximando do meu. Ele esta aqui, por toda a parte. Por debaixo nas minhas unhas, revirando o meu estomago e dançando com meu coração, freneticamente. Consegue ouvi-lo? Ele esta bem aqui, queimando. Efervescendo o sangue que corre por entre minhas veias, me matando, me torturando, me deixando louca e me fazendo ser estupidamente a criaturinha mais feliz sobre a face da terra. E bem que me disseram, o amor é a coisa mais estúpida de se explicar, mesmo!

                                                                                                                      Melissa Lambrecht

4 comentários:

Eraldo Paulino disse...

O amor não tem meia temperatura mesmo. Ou é dádiva ou maldição.

Para mim, pelo menos, mais vale ter sofrido por amor do que perder a chance de ser feliz por medo de sofrer.

Belo post. Bjs!

Geovani Matos disse...

"Posso um dia nào ter vc...
mas neste dia a felicidade nao estará mais ao meu lado...
seu sorriso irradia... me trás felicidade que só o amor trás"!

Cah. disse...

Não há explicação para o amor. Felizes aqueles que o experimentam!
Beijos!

http://meumundoecolorido.blogspot.com/

Brenda Santos disse...

Muito difícil mesmo, tenho raiva por isso...

Beijos
@tudodmenina
http://tudodmenina.blogspot.com

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário ele é muito importante pra mim! Loree ;*

:a :b :c :d :e :f :g :h :i :j :k :l :m :n :o :p