segunda-feira, novembro 29, 2010

- Singelas diferenças.

                                               
                                                               Zurique, 29 de maio de 2008

Eu não me apaixono subitamente. Não que eu não acredite em amores a primeira vista ou em predestinação; estou dizendo que esses amores apenas não funcionam comigo – provavelmente por minha culpa.  Sabe, não confio muito em meus olhos. Tenho olhos de criança, tipo aqueles olhos de desenho animado, que olham para o Pica-Pau voando pelo céu e imaginam ele deliciosamente assado em uma bandeja, cheio de legumes ao redor. Eu sou daquelas que olha para o garoto que ama e vê corações pipocando por todos os lados enquanto anjinhos tocam sinos sobre nossas cabeças, mas não é daí que eu tiro a certeza do meu amor (tampouco das tremedeiras nas pernas, da falta de palavras e de ar).Eu sei que amo porque eu me importo. Eu sei que eu amo porque eu tenho vontade de brigar quando ele faz alguma coisa absurda que coloca em risco a própria segurança. Eu sei que amo porque de manhã, quando eu acordo, eu tenho vontade de ligar só pra desejar bom dia; e a noite, eu ligo pra saber se o dia foi bom e me interesso por cada suspiro que ele deu. Confesso que às vezes ligo só pra saber se ele sentiu saudade de mim, e às vezes deixo de ligar só pra ter certeza que a saudade dele é verdadeira, e espero ansiosamente o telefone tocar. Eu sei que amo porque quando eu vou ao shopping, comprar roupas pra mim, passo muito mais tempo na sessão de roupas masculinas, imaginando como ele ficaria lindo com aquela camisa ou aquele boné. Eu sei que amo porque quando converso com minhas amigas é só dele que eu quero falar. E sempre que a gente fica em silêncio eu tenho vontade de falar freneticamente sobre como eu adoro o som intercalado das nossas respirações – mas isso faria com que eu parasse de ouvi-las. Eu sei que amo porque quando ele me diz coisas duras, ou fala comigo de forma grosseira, meus olhos se encham de lágrimas imediatamente, mas eu tento disfarçar pra que ele não se sinta culpado, afinal, eu que sou sensível demais. E quando ele precisa de mim pra alguma coisa eu ganho meu dia apenas por pensar que – por um momento que seja – eu sou indispensável em sua vida.
                                                                                                                                                           1

11 comentários:

Bruno Fernando disse...

:e

Lorena, que lindo adorei teu texto. Sentimentos esses quando verdadeiros, dificilmente nos fazem pensar mesmo em outra coisa. Principalmente quando estamos amando alguém. Nada e nenhuma pessoa é capaz de tirar ou modificar nosso comportamento em relação a isso, pois, o amor sempre é mais forte, e em alguns momentos, atos ele fala/faz por nós. Adorei...

Beijos

Mila Lopes disse...

...eita menina, você ama isso é um fato, estou rindo aqui porque não sei a idade que vc tem mas sua maturidade com ceteza está além dela...
Belo texto, isso é amor...

Bjinhos

Mila

Mila Lopes disse...

Certeza*:h

Luna Sanchez disse...

Já eu me apaixono com facilidade porque adoro esse estado de paixão e tudo que ele me traz e o que me causa, mas só bem poucas paixões duraram.

Pessoas são estranhas, né, flor?

:o

Beijocas!

ℓυηα

Kátia disse...

Eu amo muito e com muita intensidade
TEXTO PERFEITO FLOR
:G
KÁTIA

Daniel Savio disse...

Amar é um eterno querer bem (mesmo que para isto seja necessário brigar)...

Fique com Deus, menina Lorena Prazeres.
Um abraço.

Ação Jovem disse...

só de passagem e pra dizer que teu blog ta lindo demais, me ensina a deixar o meu assim tão inovador bjs. se cuida;.

do carmo o "anjo negro" disse...

lindo lindo mil vezes lindo
sabe oque é engraçado é que eu me apaixono hiper facil
e sinto tudo isso e mais um pouco. e adoro sentir
sabe aquela sensaçãop de sera que ta pensando em mim? ligo não ligo? ai sou meio bobo quando estou apaixonado mas quem não é, né mesmo ?
bj linda vc esta cada vez melhor

Cah. disse...

Selinho lá no blog!
http://meumundoecolorido.blogspot.com/

. disse...

Selo pra você Flor, pega lá http://ela003.blogspot.com/2010/12/1-selo.html bjos ;*

vanessa b.' disse...

aaawn, que liindiinho *-* amei seu texto amr, passa no meu blog, tem selinho , rouba lá (:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário ele é muito importante pra mim! Loree ;*

:a :b :c :d :e :f :g :h :i :j :k :l :m :n :o :p